Fiança de aluguel profissional - Como conseguir fiador?

Fiança de aluguel com Fiador profissional para locação é um procedimento comum nas imobiliárias. Quem procura esse tipo de serviço em geral são pessoas que querem locar um imóvel para moradia, para montar um comércio ou escritório. Porém, não tem um avalista ou fiança própria para concluir o negócio.

Como conseguir fiador para fiança de aluguel?

Outro diferencial de quem procura a fiança de aluguel com profissionais é o fato de estarem com problemas de crédito. Daqui, sabe-se que, consequentemente, com o nome sujo na praça, isso trás muitos impeditivos burocráticos.

Com certeza você esta aqui porque esta precisando por “fiador de aluguel“. Porém, nós não oferecemos esse tipo de serviço, mas queremos ajudar você a não entrar numa fria.

Nos anúncios para fiança de aluguel em jornais ou na Internet você vai encontrar uma característica entre eles. Normalmente apelam para o titulo “Mesmo com nome sujo“, “Para quem esta com restrição“, Você que está com problema no nome”. Nesse tipo de anúncio a probabilidade de fraude é imensa.

É o costume de fiador de aluguel para locação de imóvel utilizarem esse tipo de “apelo” nos textos de anúncios, a oferta de fiança mesmo para quem tem problemas e inscrição nos serviços de proteção ao crédito SPC e SERASA é praxe.

Quando uma pessoa diz – preciso de fiador para fiança locatícia todos nas proximidade fogem. Vale lembrar que a dificuldade de muitas pessoas em oferecer um fiador próprio ao alugar um imóvel residencial ou comercial fez surgir a fiança de aluguel com fiadores profissionais. Além deles, há também os serviços de Seguro Aluguel, Seguro Fiança e Seguro Proteção de Aluguel.

Documentos para ser fiança de aluguel

O fiador de aluguel profissional é uma atividade informal. Ele fornece os documentos que são exigidos para garantir a locação de um imóvel tais como:

  1. Comprovante de renda
  2. Escritura do imóvel
  3. Documentos pessoais do fiador

A transação é remunerada, portanto o fiador profissional recebe em troca pelo serviço prestado um pagamento que pode chegar ao valor de um aluguel mais um quinto (1.2) ou mais dependendo do fiador.

Fiador não é uma profissão regulamentada

Só tem um detalhe, a atividade não é regulamentada por nenhum órgão competente, as negociações são totalmente informais e não há garantias para nenhuma das partes envolvidas no negócio.

O mais natural seria o locatário conseguir um fiador para fazer a fiança da locação através de um familiar, amigo ou parente com escritura. É preciso também que a renda seja compatível, isto é mais que um favor. Me diga, quem nos dias de hoje quer se arriscar em ser fiador de aluguel de alguém?

Atualmente, podemos notar claramente que o fiador convencional, aquele parente ou familiar que emprestava sua escritura e nome está sumindo aos pouco. É obvio que nos tempos atuais ninguém quer colocar em risco seu sossego ou correr o risco de perder seu imóvel.

É daí, desse fato, que tem aberto espaço para o Fiador profissional, o Seguro Aluguel e Seguro Fiança. Tenha cautela e zelo na hora de procurar e contratar uma Fiança para aluguel.

O risco que o fiador corre

Ser fiador não é uma tarefa tão simples como se imagina. O fiador será responsável por quitar qualquer tipo de débito deixado pelo inquilino, ou por quem se comprometeu a pagar algum tipo de serviço.

Na prática, no caso de uma locação, a imobiliária e o dono do imóvel entram com uma ação. Feito isso, o fiador terá que pagar o aluguel ou até os danos causados em um imóvel. Há casos em que o fiador também acaba por arcar com as despesas dos advogados envolvidos na ação.

Se o fiador não pagar, a dívida vai aumentando proporcionalmente. E, no final das contas, a dor de cabeça aumenta e a dívida cresce exponencialmente.

Se não paga, um bem, normalmente um imóvel, é penhorado para a quitação da dívida. Em relação ao inquilino, se o fiador não buscar seus direitos, certamente não receberá do mesmo.

Não é a toa que esse tipo de locação ou serviço que envolve fiador está diminuindo. As chances de golpe são grandes, mesmo em casos que envolve família.

Dá para imaginar o transtorno de arcar com dívidas de terceiros e não ver mais o dinheiro?

Fiança de aluguel profissional – Como conseguir fiador?
Média 517 votos