Empréstimo com taxa de 1% ao mês nas financeiras ou bancos de varejo que temos no Brasil, será que é possível? Diversas instituições bancárias e financeiras oferecem infinitas linhas de crédito e de empréstimos pessoais para clientes e não clientes, com renda ou sem renda. Mas e o juros?

Todos sabem que as instituições só realizam operações de crédito e formatam contratos de forma que o ciente sempre tenha que dever alguma dinheiro à juros para eles e, juros baixos em empréstimos pessoais em instituições bancárias é praticamente ilusão.

Contratar empréstimo com taxa de 1% ao mês não existe, principalmente se for empréstimo pessoal, no mercado a taxa mais baixa para pessoa física é 1,99% para clientes super especiais e que dificilmente irão usar a linha de crédito.

O mutuário até encontra taxa abaixo de 1%, porem a operação é relacionada a empréstimo imobiliário, onde o imóvel fica como garantia do empréstimos, tirando essa linha resta o consignado em folha com mínimo de 1,31% na Caixa econômica.

“O consignado é uma linha de crédito com desconto das parcelas direito n fonte pagadora do salário ou beneficio”

Se você tiver sorte consegue um banco que ofereça taxas de juros para empréstimo pessoal com juros de 3,99% para empréstimo pessoal acima de R$ 10 mil com mínimo de 12 parcelas, para clientes medianos, dá até para encontrar taxa de 5,89% tudo depende da sua movimentação e histórico na instituição.

A maioria das instituições financeiras que oferecem empréstimo pessoal fazem a consulta ao SPC e Serasa e trabalham com capital estrangeiro de curto e longo prazo.

Então me diga, o que você acharia se encontrasse uma financiadora que emprestasse até R$ 500 mil em dinheiro a 1% ao mês com até 240 meses para pagar no empréstimo sem consulta?