Empréstimo Bolsa família – Empréstimos para beneficiários do Bolsa família poderá ser feito através do programa de “microcrédito Progredir“. Este programa acabou de ser lançado pelo governo federal nesta semana (26/09), o acesso ao crédito é totalmente voltado aos beneficiários que recebem no programa Bolsa Família que querem se tornar empreendedores.

Programa Progredir - Empréstimo Bolsa Família

Atualmente já é possível ter o crédito liberado para o uso especifico, ou seja, não é crédito pessoal como muitos estão pensando. Hoje três instituições financeiras estão atuando para fazer a captação, contratação e liberação dos valores.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) os bancos Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Banco do Nordeste estão oferecendo empréstimos de até R$ 15 mil para quem está inscrito no programa.

Como funciona o empréstimo Bolsa família?

O benefício do Bolsa Família é conhecido por todos, é um programa de cunho social que foi criado para “beneficiar” os cidadãos brasileiros, de modo geral os recursos podem ser utilizados da forma como o beneficiário quiser, ou seja, todo tipo de finalidade. Agora, à realização com a possibilidade de se fazer empréstimos para os beneficiário do programa Bolsa Família surgiu a pouco tempo.

O que é o Programa Bolsa família?

O Bolsa Família é um programa para auxílio social que é oferecido para cidadãos com famílias de baixa renda, eles recebem até R$ 179,00 por filho, para receber o beneficio, os filhos devem estar devidamente matriculados e provar que os mesmos estão frequentando a escola. Também devem estar com as vacinas dentro do cronograma governamental.

Os beneficiários que contam com este tipo de concessão em dinheiro liberado pelo governo federal podem utilizar os recursos do jeito que acharem melhor para as mais variadas finalidades, como para a compra de gêneros alimentícios, remédios, eletrodomésticos, educação e pagamento de despesas de consumo etc.

O Bolsa Família apesar de ter sido criado para uma finalidade, no meio do percurso mudou, atualmente também pode ser utilizado para a contratação de empréstimo, o chamado micro-crédito, essa é a forma com o qual os beneficiários do programa podem obter montantes em dinheiro e recursos financeiros.

Quem libera o empréstimo Bolsa família?

Quem regulamenta o programa é o MDS, segundo o ministério, o programa oferecerá taxas de juros muito competitivas, a previsão é que seja próximos de 1% ao mês. Como já disse nos primeiros parágrafos, por enquanto, apenas os três bancos participam do programa, inclusive são estatais, mas qualquer banco que desejar oferecer a linha de empréstimo poderá se credenciar junto ao governo federal.

Parcelamento do Microcrédito Progredir

As condições de parcelamento do empréstimo e pagamento mensal ficarão a critério do banco escolhido pelo beneficiário. A documentação necessária para a liberação do crédito pode ser encontrado nos sites online, ou, pelos telefones dos bancos credores.

A principio serão disponibilizados cerca de R$ 3 bilhões de reais por ano microcrédito destinados para o público-alvo cadastrado no “programa investir em pequenos negócios“. Atualmente, 13,5 milhões de famílias são beneficiados pelo Bolsa Família, e ganham um valor médio do governo de R$ 179,64. O objetivo do governo federal é que ao longo do tempo os cidadãos deixem de depender do programa social.

Benefícios do programa de empréstimo Progredir

Além do empréstimo ser liberado, o programa dará:

  • Assistência técnica e inclusão financeira para mais de 1,7 milhão de autônomos
  • 1 milhão de vagas para o Pronatec Oferta Voluntária;
  • Oficinas de preparo profissional para 400 mil pessoas e;
  • Oficinas de educação financeira para 100 mil famílias.

O programa “Microcrédito Progredir” para liberação de empréstimo bolsa família terá diversas instituições como parceiros, tanto públicas quanto privados. Agora, é só aguardar as regras e condições para que o recurso seja utilizado para quem deseja empreender.

Outros benefícios para situações de pobreza

O benefício do Bolsa Família está disponível para pessoas em situação de extrema pobreza, com renda mensal de R$ 89 reais por pessoa. O que muitos não sabem é que existe o benefício variável no valor de R$ 41 reais. Esse direito só está disponível para o cidadão que atender os requisitos indicados no programa, como:

  • Renda mensal por pessoa de R$ 89,01 até R$ 178,
  • Ter uma criança ou adolescente na família de 0 a 15 anos,
  • Ter gestante ou nutrizes

Vale lembrar que cada família pode receber no máximo 5 benefícios.

Outra bolsa existente é o Benefício Variável Jovem, mais conhecido como BVJ. O valor neste caso é de R$ 8 reais, mas cada família pode receber no máximo dois benefícios neste estilo. Vale lembrar que o jovem precisa estar matriculado na escola e ter no mínimo 75% de frequência.

Sobre o Bolsa Família cabe lembrar que não existe um valor máximo do benefício e o direito é cedido com base na situação real dos familiares. Outro detalhe é que o benefício não tem outros bônus, como décimo terceiro. O Bolsa Família é pago em 12 parcelas!

Programa Progredir com Empréstimo Bolsa Família
Média 598 votos