Crédito Pessoal sem Consulta SPC Serasa

A contratação de crédito pessoal sem consulta SPC Serasa, ou seja, mesmo estando com nome sujo na praça é oferecido com liberações de valores entre R$ 1.000 até R$120.000 mil, com prazo até 6 anos. Em geral o crédito sem consulta tem uma facilidade na contratação da operação, a resposta é praticamente imediata, a liberação se dá entre 24 e 36 horas dependendo do banco ou financeira credora.

Você também pode solicitar em qualquer credor que encontrar na internet que você tenha certeza que é confiável e seguro. Esta opção online e sem consulta permite que você tenha a conveniência de ficar onde você está, confortavelmente na sua casa sentado no sofá com a segurança extra para você lidar com suas finanças.

E a melhor coisa sobre a um solicitação do crédito sem consulta ao SPC e Serasa é que você só precisa informar a identificação, ter comprovante de renda ou emprego e tá tudo certo. O mais interessante é que mesmo que você esteja negativado, você receberá seu empréstimo aprovado com poucas burocracias.

Existe empréstimo sem consulta ao SPC Serasa?

Os juros do crédito pessoal sem consulta as restrições é aplicado em torno de 2,14% com descontos automáticos e consecutivos até o final do empréstimo. Além disso que já possui um crédito sem consulta e desejar quitar antecipado, transferir para outro banco ou refinanciar no meio do plano, pode fazer sem problemas.

Como conseguir crédito sem consultar SPC Serasa?

Para você que deseja um crédito sem consulta SPC Serasa, o primeiro passo é realizar uma pesquisa por financiadoras, emprestadores e correspondentes. Lá, precisa verificar as possibilidades de empréstimo e as diferentes modalidades.

Pesquise as taxas de juros

Nossa dica principal para essa linha de empréstimo é você, antes de concluir o seu pedido do crédito sem consulta SPC Serasa, é saber quais são as instituições bancárias que oferecem as melhores taxas de juro e condições mais acessível para liberação da quantia desejada.

Quantidade de parcelas mensais

Fique atento ao numero de parcelas, quanto maior o numero de parcelas, menor o valor, no entanto o custo do saldo devedor final é bem maior, pense nisto para fazer uma escolha certa do numero de prestações para não afetar o seu provento mensal ou salário.

Simulação ajuda você a fazer as contas

Faça algumas simulações nos sites de empresas que concedem o crédito sem consulta SPC Serasa. Uma opção comum nesses casos é o também conhecido como “consignado”. Vale lembrar que para liberar o crédito ao consumidor,  o comprometimento da renda é de até 30%.

Portanto, faça as contas, analise os juros e coloque no papel. Aliás, as dívidas em si já deverão constar numa folha antes mesmo de pedir empréstimo. O crédito precisa ser uma quantia exata que ajude a resolver o problema, do contrário você pode entrar numa fria.

Faça um planejamento financeiro minucioso

Além dos detalhes acima, vale lembrar que o planejamento financeiro é indispensável.  Antes, você precisa dessas informações organizadas para pedir o empréstimo. Depois, com base nesses dados, você precisa manter as contas em ordem para não criar problemas e sair do objetivo.

Anote em uma planilha todo o dinheiro que entra em casa, na renda líquida e bruta. Feito isso, liste todas as contas fixas, que não mudam de mês em mês, e as outras, as variáveis, que oscilam. Reunindo esses detalhes, dá para perceber o quanto se gasta, se ganha e até o que é possível mudar, economizar.

Esse planejamento pode existir na sua vida em qualquer momento. Não é necessário uma crise para se conhecer a vida financeira, analisar saídas e estudar caminhos. Esse cuidado antes, aliás, pode ser extremamente saudável e ser passado de pai para filho. A consciência sobre o valor do dinheiro é indispensável para o futuro dos jovens.

Outros meios de conseguir pagar dívidas

Se você tentou empréstimo e não conseguiu, saiba que tem solução o problema. Dependendo da dívida, da época do ano, o consumidor tem a possibilidade do Feirão, que normalmente é feito no final do ano. É um momento específico para que empresas e devedores consigam formalizar uma negociação mais justa.

Outra possibilidade, mas dependendo do caso, é buscar um advogado especialista em direito do consumidor. O advogado vai conseguir analisar o caso, orientar sobre os possíveis direitos e deveres e apresentar uma ação. Nesses casos, a solução pode demorar mais que o esperado, mais alguns meses.

Independentemente do período, o melhor é você buscar a resolver pendências e dívidas. Essa atitude vai ficar no seu histórico e é fundamental que o cliente consiga crédito posteriormente.

Para isso, mesmo depois das dívidas, é preciso se organizar e realizar as mudanças necessárias para atrair novas possibilidades de crédito.

E cuidado com promessas de empréstimos com pagamento adiantado e outras facilidades, pois os bancos sérios atuam conforme regulação do Banco Central e precisam da autorização do órgão para fazer essas movimentações no mercado financeiro.

Crédito Pessoal sem Consulta SPC Serasa
Média 543 votos